Dicas sobre investimentos

Investir em época de crise pode parecer loucura, mas existem aplicações de baixíssimo risco e que aceitam entradas de até R$ 100. Mesmo que você não entenda nada de investimentos veja agora as melhores dicas para fazer seu dinheiro render com segurança.

Finanças
3 meses atrás
Dicas sobre investimentos

Dinheiro parado é prejuízo

A crise gerada pela pandemia está afetando gravemente a economia e muitas pessoas estão perdendo sua fonte de renda.

Mesmo assim investir continua sendo uma das melhores maneiras de rentabilizar e não deixar seu dinheiro desvalorizar com a inflação.

Investimentos de renda fixa e liquidez

Se você não tem experiência nenhuma em aplicações pode começar com uma pequena quantia de R$ 100 para aprender mais sobre o negócio.

É claro que percentualmente os lucros e os riscos são irrisórios com um valor tão baixo, daí a boa oportunidade para iniciar no mundo dos investimentos.

Entre as principais classes de ativos com baixo risco e com resgate a qualquer hora podemos destacar quatro com seus respectivos rendimentos líquidos em um período de um ano:

  • Tesouro Selic: 2,88% – R$ 102,88
  • Poupança: 2,63% – R$ 102,63
  • CBD liquidez diária: 3,25% – R$ 103,25
  • Fundos DI: 2,85% – R$ 102,85

Investimentos de longo prazo

Quando partimos para investimentos em longo prazo, de 7 anos e 8 meses, ainda com R$ 100 os valores finais ficam mais atrativos.

O CBD do Banco Máxima que tem uma estimativa de 11,60% de rendimento líquido ao ano pode chegar ao resultado final de R$ 232.

A LCI (Letra de Crédito Imobiliário) do Banco Pine chega ao valor final de R$ 154 com rendimento de 6,97%.

O problema das duas opções é que não há possibilidade de liquidez e os bancos também podem quebrar neste meio tempo.

O Tesouro Prefixado e o Tesouro IPCA, que tem risco de perda alta em caso de retirada antecipada, chegam aos valores de R$ 129 com 6,32% e R$ 151,47 com 5,55%, respectivamente.

Investimentos de renda variável

Quem tiver um perfil mais ousado de investimento pode apostar nas opções de renda variável, ou seja, que não tem rendimento fixado. Logo possuem uma volatilidade de lucros e perdas mais rápidos e maiores.

Toda previsão que se faça neste campo é mera hipótese, mas podemos ter uma ideia dos resultados analisando o rendimento do período dos últimos 12 meses de importantes fundos:

  • Ação da CVC: -70%
  • Ação da Magazine Luiza: 114%
  • ETF da Bolsa americana: 30%
  • ETF da Bolsa brasileira: -14%
  • Fundo imobiliário: -6%

Como estamos em uma fase turbulenta fica ainda mais imprevisível acertar na bolsa, que em geral está passando por um cenário pessimista, sobretudo para as empresas de turismo como aconteceu com a CVC.

Mesmo que não seja possível fazer uma simulação real das opções de renda variável, é preciso estar disposto a ganhar e perder mais do que na renda fixa. Do contrário, é melhor manter o perfil conservador.

Tipos de riscos

É preciso ter em mente que se tratando de investimentos por mais que se façam escolhas seguras sempre se corre algum risco.

Existem várias classes de riscos, os mais comuns são os de mercado que envolve as oscilações na cotação relacionadas a alterações setoriais ou econômicas.

O risco de crédito é quando ocorre calote no pagamento ou quebra do emissor como, por exemplo, o fechamento de um banco.

Um tipo de risco que se pode prever com mais facilidade é o de liquidez, pois você tem consciência de que não terá direito de resgatar o dinheiro quando entra nesta forma de investimento.

Há também o risco de gestão que acontece quando escolhemos uma má empresa para administrar nosso dinheiro.

Garantia do FGC

Um ponto muito importante antes de entrar em qualquer investimento é verificar se a instituição financeira está associada ao FGC (Fundo Garantidor de Créditos), que funciona como uma espécie de seguro em caso de quebra.

O valor máximo garantido pelo FGC é de até R$ 250 mil por pessoa física ou jurídica, com um teto total de aplicações de R$ 1 milhão.

Cotidianum

O Cotidianum é muito mais que um site, é uma ideia de levar conteúdo que acrescente utilidades aos nossos seguidores, seja com carros, dicas, gastronomia, entretenimento e muito mais para o cotidiano.

Vamos Bater um Papo?